Francisco pediu ao Senhor que ajude seus compatriotas a avançar continuamente na busca do bem comum, da reconciliação e da fraternidade

 

24 MAIO 2016 – “No dia em que esta amada nação celebra sua Festa, me compraz manifestar minha cordial felicitação, que acompanho com minha oração ao Senhor para que conceda a todos os argentinos copiosos dons de sua misericórdia”, escreveu o Pontífice em carta dirigida ao presidente da nação Argentina, por ocasião do bicentenário da independência do país, 25 de maio.

Francisco pediu ao Senhor que ajude seus compatriotas a avançar continuamente na busca do bem comum, da reconciliação e da fraternidade.

Mauricio Macri respondeu à carta do pontífice, “em nome de todo o povo argentino”, agradecendo a felicitação de Francisco. “Dessa terra que o viu nascer seguimos com admiração a sua tarefa evangélica em procura da paz e do bem comum, levando a sua mensagem a todas as nações. Por isso, além do nosso agradecimento, enviamos-lhe a nossa firme decisão de avançar na concretização dos objetivos que o senhor menciona – reconciliação e fraternidade – para alcançar a união de todos os argentinos”, respondeu o chefe de Estado.