2016-08-19 Rádio Vaticana – Londres (RV) – A ONG britânica Survival International alertou para as “queimadas que estão devastando o Território Indígena Arariboia na Amazônia maranhense, e ameaçando exterminar indígenas isolados do povo Awá”.

 

“Queimadas iniciadas por madeireiros destruíram mais de 50% da floresta no território no fim de 2015. O Ibama afirmou que a situação é ‘ainda mais grave’ esse ano”, denunciou a ONG.

As tribos isoladas são os povos mais vulneráveis do planeta, recorda a Survival.

 

Ameaça à existência

 

“Povos como os Awá estão sendo dizimados pela violência de estranhos e por doenças como a gripe e o sarampo, às quais não têm resistência. Sem uma terra protegida, eles enfrentam uma catástrofe”, alertou o organismo britânico.

Se protegidos de maneira apropriada, os territórios indígenas são as melhores barreiras ao desmatamento, defende a ONG.

“Essa é uma crise humanitária urgente e terrível. As autoridades brasileiras sabem que incêndios ocorrem na época das secas, e que eles podem dizimar os povos isolados. O Brasil precisa desviar os olhos das Olimpíadas e focar sua atenção em impedir a aniquilação de seus povos indígenas”, concluiu o diretor da Survival, Stephen Corry.

(si/rb)

(from Vatican Radio)