Santuário de Lourdes (França) preparou um programa especial para os peregrinos, com particular destaque para a visita do Papa Francisco, em maio, retransmitindo a emissão das celebrações a partir do sinal distribuído pelo Santuário de Fátima.

 

“Cada Santuário revela uma parte da missão de Maria e cada um tem um carisma particular, sem entrar em contradição com os carismas dos outros”, refere um documento enviado pelo Santuário de Lourdes à Santuário de Fátima.

“Quando um Santuário celebra o seu jubileu, todos os Santuários dedicados a Maria rejubilam por ver atualizar a mensagem de que são todos portadores. O Santuário de Lourdes entende celebrar Maria acolhendo os peregrinos que lá chegam, seja quando estão a caminho de Fátima como quando regressam”, esclarece o documento.

O Santuário de Lourdes preparou um programa especial, de maio a outubro, uma exposição sobre os grandes santuários marianos; procissões marianas com as imagens e/ou estátuas de Nossa Senhora de Fátima e a apresentação do filme das Aparições em Lourdes e em Fátima.

Durante o ano serão celebrados especialmente os dias 11 de cada mês, centrados em  Nossa Senhora de Lourdes; o dia 13 de cada mês evocando Nossa Senhora de Fátima e, em maio, a retransmissão das celebrações da peregrinação Internacional aniversária que será presidida pelo Papa Francisco.

Nos dias 13 de cada mês, o programa do Santuário francês, durante este ano, é inteiramente dedicado a Fátima começando com a Consagração ao Imaculado coração de Maria, seguida de Missa pelas intenções do Papa e consagração a Maria, história das aparições de Lourdes e de Fátima (vídeo), exposição comentada e procissão de velas.

O Cardeal Secretário de Estado, Pietro Parolin, será o legado papal em Lourdes, neste 11 de fevereiro de 2017, festa de Nossa Senhora de Lourdes e Dia Mundial do Doente.