Francisco escreve carta sobre encontro mundial que vai decorrer em setembro de 2015

 

Cidade do Vaticano, 10 dez 2014 (Ecclesia) – O Papa Francisco sustentou hoje que os “valores e virtudes” da família estão acima de qualquer discussão, pedindo que os cristãos apresentem ao mundo a “beleza do matrimónio”

“As verdades essenciais da família são pontos de referência sobre os quais se apoia o núcleo familiar e não podem ser colocados em discussão. Somos chamados, pelo contrário, a rever o nosso estilo de vida”, refere, numa carta enviada ao presidente do Conselho Pontifício da Família, a respeito do encontro mundial que vai decorrer na cidade norte-americana de Filadélfia em setembro de 2015.

O Papa alerta para os riscos de uma mentalidade “individualista, consumista, hedonista” e convida a “viver e a propor a grandeza e a beleza do matrimónio e a alegria de ser e fazer família”.

“Não podemos qualificar uma família com conceitos ideológicos, não podemos falar de família conservadora e de família progressista. A família é família”, escreve.

Francisco assinala que a missão da família cristã é a de “anunciar o amor de Deus ao mundo, com a força do sacramento nupcial”.

Recordando o recente Sínodo extraordinário dos Bispos, que vai prosseguir em outubro de 2015, que desafia a Igreja a “prosseguir no compromisso de anunciar o Evangelho do matrimónio e da família”.

“Os desafios do atual contexto levam-nos a alargar os espaços do amor fiel aberto à vida, à comunhão, à misericórdia, à partilha e à solidariedade”, prossegue.

OC

Agência Ecclesia