O tema da Jornada Mundial das Comunicações Sociais se alinha ao sínodo sobre a família

CIDADE DO VATICANO, 29 de Setembro de 2014 (Zenit.org) – “Comunicar a família: ambiente privilegiado do encontro na gratuidade do amor”: este é o tema que o papa Francisco escolheu para a 49ª Jornada Mundial das Comunicações Sociais, em 2015.

O tema da Jornada Mundial das Comunicações Sociais deste ano segue a linha escolhida no ano passado e, ao mesmo tempo, entra no âmbito central dos dois próximos sínodos: a família.

A nota informativa, distribuída pela Sala de Imprensa do Vaticano, recorda que “a crônica cotidiana narra as dificuldades pelas quais a família passa atualmente” e observa que, com frequência, “as mudanças culturais não ajudam a entender o grande bem que a família é”.

São João Paulo II menciona em sua encíclica Familiaris Consortio: “As relações entre os membros da comunidade familiar são inspiradas e guiadas pela lei da ‘gratuidade’, que, respeitando e favorecendo em todos e em cada um a dignidade pessoal como único título de valor, se torna acolhimento cordial, encontro e diálogo, disponibilidade desinteressada, serviço generoso e solidariedade profunda”.

A este propósito, colocam-se algumas questões: “Como podemos dizer hoje, ao homem ferido e desiludido, que o amor entre um homem e uma mulher é algo muito bom? Como fazer com que os filhos experimentem que são um dom precioso? Como levar calor ao coração da sociedade ferida e cansada de tantas desilusões amorosas, e dizer-lhe ‘coragem, vamos recomeçar’? Como explicar que a família é o primeiro e mais significativo ambiente em que se experimenta a beleza da vida, a alegria do amor, a doação gratuita, a consolação do perdão dado e recebido, e onde se começa a encontrar o outro?”.

O comunicado prossegue dizendo que a Igreja deve aprender de novo a explicar que a família é um dom enorme, bom e belo. “Ela é chamada a dizer que a gratuidade do amor, oferecida pelos esposos, aproxima todos os homens de Deus e é uma tarefa entusiasmante”.

A Jornada Mundial das Comunicações Sociais, recorda o comunicado, é a única jornada mundial estabelecida pelo Concílio Vaticano II. É celebrada em muitos países, por recomendação dos bispos, no domingo anterior à festa de Pentecostes (17 de maio, no caso de 2015).  A mensagem do Santo Padre para a Jornada Mundial das Comunicações Sociais é publicada tradicionalmente na festividade de São Francisco de Sales, padroeiro dos jornalistas, em 24 de janeiro.