WASHINGTON DC, 08 Jul. 16 / 03:00 pm (ACI).- O ator americano Kelsey Grammer, conhecido por interpretar o psiquiatra Frasier Crane em duas séries de televisão, classificou recentemente de “desonesto” chamar o abortode “direitos reprodutivos”.

 

Em uma entrevista ao jornal britânico ‘The Times’, publicada em 2 de julho, Grammer, grande defensor da vida e contra o aborto, assinalou que “poucas coisas me irritam como a injustiça”.

O ator americano interpretou o Dr. Frasier Crane nas séries Cheers, durante a década de 80 e no início dos anos 90 e seu spin off, Frasier, de 1993 até 2004.

“Acho um pouco desonesto chamar algo de direitos reprodutivos quando claramente pode fazer uma escolha muito antes de que um bebê seja concebido”, disse.

Também não achou justificável a prática do aborto como solução para casos de mulheres grávidas depois de uma violação.

“Se alguém deve morrer depois de uma violação – disse Grammer –, então deveríamos matar o violador, não o bebê por nascer”.