Natal em Família: terceira semana do Advento

Por André Parreira

 

SãO PAULO, 12 de Dezembro de 2014 (Zenit.org) – Aqui nos reencontramos em nossa caminhada para o Natal. Já percebemos um ritmo agitado nas ruas, mas buscamos maneiras de tranquilizar o coração e aprofundar no rico momento que a Igreja nos propõe viver. Por falar em rico momento, permita-me provocá-lo(a) com a intenção de ajudar na caminhada. Você seria capaz de dizer, de modo resumido, qual a mensagem predominante nas leituras da primeira e também da segunda semana do Advento?

Pergunto isso para nos remeter a um pergunta feita no primeiro texto desta série: Como levar o Advento para dentro de nossas casas?  Uma das maneiras pode ser, principalmente quando se tem família, refletir os textos bíblicos dos domingos com cônjuge e filhos e ainda propor uma atitude prática (seja mortificação, ato de caridade, leitura, oração etc) a partir da reflexão. Sempre nos surpreendemos com a disposição e sugestões das crianças! Basta motivá-las!

Como já estamos caminhando para a 3ª semana do Advento, nossa preparação se intensifica. É hora de começar a novena de Natal, mas também de planejar uma importante atitude em nossa caminhada: a confissão.

Como católicos, temos este belo sacramento com um inimaginável valor para a nossa vida. Devemos buscá-lo frequentemente e principalmente em momentos mais significativos para a nossa fé. O Papa Francisco, na audiência de 20/11/13, contou que se confessa a cada quinze dias. E você, com qual frequência se confessa? Ou, se ainda pensa que basta conversar com Deus, ele completa: “se ouve alguém dizer que se confessa diretamente com Deus… Sim, como disse primeiro, Deus te escuta sempre, mas no sacramento da Reconciliação envia um irmão para levar o perdão a você, a segurança do perdão, em nome da Igreja”.

E quando falamos em preparar o Natal junto com os filhos, os pais devem dar o primeiro passo e motivá-los, com a orientação e o exemplo, a buscarem a confissão. Educar os filhos na fé católica é um compromisso assumido pelos cônjuges no casamento e no batizado de seus filhos!

Em minha casa, minha esposa e eu procuramos dar uma ajudinha aos nossos filhos para que se confessem, entregando uma folhinha com sugestão de exame de consciência com linguagem adequada à idade deles. Em seguida, combinamos o dia para levá-los à confissão. Os pais precisam dispor de tempo para auxiliá-los nesta caminhada e por isto afirmo, mais uma vez, que a agitação do compra-compra não pode consumir nosso valioso tempo de preparação para o Natal.

Por falar nisso, também devemos ficar vigilantes para que os vários convites de festas e confraternizações não tomem o lugar de nossa celebração de Natal, para a qual vamos nos preparando. Mas isto será também tema da 4ª semana.

Não se esqueça de preparar a novena com muito carinho em sua casa, com um presépio, vela e o texto diário. Nossos livrinhos da novena infantil já chegaram e estamos animados para começá-la! Espero que você também esteja animado a viver este belo tempo com sua família!

Comentários, escreva para: alparreira@gmail.com. André Parreira é empresário, casado e pai de 6 filhos, colabora na formação de jovens e casais e é colunista colaborador de ZENIT.