2015-10-27 Rádio Vaticana – Deir Rafat (RV) – O último domingo (25/10) marcou a celebração, por centenas de católicos da Terra Santa, da festa de Nossa Senhora da Palestina – Padroeira da Terra Santa – venerada oficialmente desde 1933, quando a Santa Sé reconheceu e aprovou a festividade.

 

A festa de Nossa Senhora da Palestina é um encontro muito aguardado pelos cristãos da Terra Santa. Cerca de 300 fiéis se reuniram no convento das irmãs de Belém em Deir Rafat para uma missa com a participação dos seminaristas de Beit Jala.

O Patriarca Latino de Jerusalém, Dom Fouad Twal, não participou da celebração, uma vez que se encontrava em Roma para o encerramento do Sínodo da Família. A missa foi presidida por Dom Marcuzzo, Vigário Patriarcal em Israel. Na sua homilia, Dom Marcuzzo lembrou a importância da Virgem Maria na vida dos palestinos, citando o exemplo das duas santas palestinas canonizadas este ano pelo Papa Francisco, Marie Alphonsine Ghattas e Mariam Baouardi.

A celebração foi seguida por um momento de convívio fraternal à volta de uma refeição preparada pelas irmãs, ajudadas por duas famílias vizinhas, uma família judaica e uma família muçulmana, que juntas trabalharam para fazer deste dia uma verdadeira festa para os cristãos do Patriarcado. O Santuário Mariano de Deir Rafat, construído em 1927, por iniciativa de S.B. Bariassina e do Patriarca Latino de Jerusalém, foi confiado à comunidade francesa das Irmãs de Belém. (PLJ/RB)

(from Vatican Radio)