WASHINGTON DC, 09 Mai. 16 / 06:00 pm (ACI).- Rima Fakih, que em 2010 foi a primeira muçulmana que ganhou o concurso de beleza Miss EUA, se converteu ao cristianismo e se casará dentro de poucos dias com um católico maronita.

 

A conversão da rainha de beleza de origem libanesa repercutiu nas redes sociais, onde muitos a parabenizaram, enquanto outros a importunaram por sua decisão.

Rima Fakih se casará no dia 15 de maio com o produtor Wassim Salibi, que publicou no Instagram uma foto do casal com o Cardeal Béchara Boutros Raï, Patriarca maronita de Antioquia, nesta semana.

Há algumas semanas, Rima Fakih evidenciou a sua conversão em sua conta oficial de Twitter publicando uma citação do Novo Testamento: “Tudo posso naquele que me fortalece” (Filipenses 4, 13).

Em uma entrevista em 2010, disse que tinha “um cunhado cristão e sua irmã havia batizado os seus sobrinhos na fé, além de um tio que se converteu ao cristianismo e atualmente é sacerdote”.

A celebridade provém de uma família xiita, mas foi educada em uma escola católica. Segundo alguns meios de comunicação, Rima abraçou a fé católica como a do seu futuro esposo.